quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Eleições Limpas

COMO DENUNCIAR

Para denunciar, é preciso primeiro saber identificar as tentativas de compra de votos. Veja como:

1º Passo – Identificar um ato de corrupção

Compra de votos – Oferta ou doação de qualquer “benefício” ao eleitor. Pode ser dinheiro, presentes, material de construção, emprego, serviços médicos ou de advogados, etc. Essa simples oferta já é motivo para que o candidato seja cassado.
Uso eleitoral da Máquina Pública – Utilização do dinheiro público para pagamento de despesas de campanha.
Boca de urna – Tentativa de influenciar o voto do eleitor no dia das eleições, com distribuição de folhetos do candidato, entrega de brindes, uso do carro de som e realização de comícios.

2º Passo – Coletar Provas

O simples testemunho do eleitor é muito importante para a Justiça Eleitoral determinar a cassação de um político. Mas se o eleitor puder juntar provas – como fotos, gravações, folhetos, telefonemas, emails – será mais fácil provar a culpa do candidato.

3º Passo – Denunciar

A denúncia pode ser feita diretamente à Promotoria Eleitoral, à Polícia Federal, ao juiz eleitoral ou ao Comitê 9840 (www.lei9840.org.br).

2 comentários:

@paulagoes disse...

Ola Robertinho!

Aproveitando o gancho de seu post, gostaria de apresentar uma plataforma alternativa para denúncias feitas pela população: o Eleitor 2010, um projeto colaborativo, apartidário e sem fins lucrativos que pretende ser um grande observatório das eleições segundo a ótica do eleitor.

http://eleitor2010.com/

É muito fácil de usar, e para enviar um testemunho (que pode ser anônimo) basta preencher os dados necessários no link:

http://eleitor2010.com/reports/submit

As denúncias feitas pelos eleitores (em forma de texto, fotos, áudio ou vídeo) serão mapeadas e ficarão a disposição da imprensa e autoridades, que podem então investigá-las a fundo!

No mais, queria te convidar para a blogagem coletiva Eleições Limpas que estamos promovendo nesta semana. Veja aqui:

http://blog.eleitor2010.com/2010/09/24/blogagem-coletiva-eleicoes-limpas/

Abraços
Paula

Anônimo disse...

Por esses motivos, alair já estaria preso há mto tempo.